O guia completo com os 12 parques de Porto Alegre

A capital do Rio Grande do Sul é uma cidade que oferece diversas opções de lazer e contato com a natureza, e os parques de Porto Alegre são uma das principais atrações para quem busca um ambiente tranquilo e ao ar livre. Com uma variedade de áreas verdes e espaços públicos, a cidade oferece opções para todos os gostos e idades, desde parques com trilhas para caminhada até aqueles com playgrounds para as crianças.

Neste guia completo, vamos apresentar os 12 parques de Porto Alegre, para que tu possas conhecer melhor cada um deles e escolher o seu favorito para visitar.

Os 12 melhores bairros de Porto Alegre para morar em 2023.

Parque Moacyr Scliar (Orla do Guaíba)

Parque Moacyr Scliar (Orla do Guaíba)

O Parque Urbano da Orla do Lago Guaíba, conhecido como Orla Moacyr Scliar, é um espaço de lazer e contemplação projetado pelo renomado arquiteto Jaime Lerner. Com 1,3 quilômetros de extensão, localiza-se entre a Usina do Gasômetro e a Rótula das Cuias em Porto Alegre.

O parque possui diversas opções de lazer, como ciclovia, mirantes, quadras esportivas, ancoradouro para barcos turísticos, quatro bares e um restaurante panorâmico. A área é monitorada por câmeras de segurança e conta com um posto permanente da Guarda Municipal.

Uma das atrações do parque é a iluminação especial que proporciona a visitação noturna, com 47 postes inclinados e um piso iluminado por pontos de luz. Além disso, a Orla Moacyr Scliar tem espaço reservado para a gastronomia local, com quatro bares e um restaurante panorâmico, todos operados por permissionários selecionados por licitações públicas.

O projeto do parque foi inspirado em modelos internacionais, buscando integrar a cidade ao lago Guaíba e proporcionar uma nova opção de lazer e turismo para os moradores e visitantes da cidade.

Parque Orla Jaime Lerner (Trecho 3)

Parque Orla Jaime Lerner (Trecho 3)

O Parque Orla Jaime Lerner, Trecho 3, tem como foco a potencialização e ampliação da prática esportiva, aproveitando a vista privilegiada da paisagem do Guaíba. Os equipamentos foram concebidos levando em consideração essa perspectiva, além das particularidades físicas e atividades já desenvolvidas no local.

Entre os equipamentos disponíveis, encontramos ciclovia e passeios readequados, canteiros e áreas de estar e conveniência, 05 arquibancadas, 02 escadarias, rampas para acessibilidade, 03 bares, 01 vestiário, 07 quadras de futebol society com piso de grama sintética, 02 quadras de futebol infantil com piso de grama sintética, 01 quadra poliesportiva, 12 quadras de areia para vôlei, 03 quadras de beach tênis, 02 quadras de tênis em concreto armado desempenado, skate park, 02 parques infantis e academias ao ar livre.

O projeto do Parque da Orla, em geral, é subdividido em trechos distintos, cada um com sua vocação específica. O Trecho 3, como já dito, é voltado para a prática esportiva, oferecendo uma estrutura completa e moderna para atender aos visitantes e atletas que frequentam o local.

Nos três playgrounds do parque, as crianças e jovens encontram uma grande variedade de equipamentos para recreação, como balanços, escorregadores, teleférico e jogos de argolas. O objetivo é proporcionar um ambiente seguro e divertido para que os pequenos possam brincar e se divertir ao ar livre. Com todas essas atrações, o Parque Germânia é um lugar perfeito para passar um dia em família ou com amigos, desfrutando de um dos mais belos parques de Porto Alegre.

Parque Farroupilha (Redenção)

parques de porto alegre Parque Farroupilha (Redenção)

O Parque Farroupilha, também conhecido como Redenção, é um dos mais antigos e populares parques de Porto Alegre. Sua história remonta a 1807, quando foi doado à cidade pelo governador Paulo José da Silva Gama. Inicialmente chamado de Potreiro da Várzea, o parque já passou por diversas denominações ao longo dos anos.

Em 1884, a Câmara propôs que o parque fosse chamado de Campos de Redenção, em homenagem à libertação dos escravos do terceiro distrito da Capital. Com a Exposição Comemorativa do Centenário da Revolução Farroupilha, em 1935, o parque tornou-se Parque Farroupilha. Desde então, o local é um importante símbolo da cidade e um ponto de encontro para lazer e cultura.

O parque conta com uma grande variedade de espaços para lazer e entretenimento, como o parque de diversões, passeios de trenzinho e pedalinhos, além de uma Feira Ecológica aos sábados pela manhã. Há também diversas opções de gastronomia, como o Mercado do Bom Fim, que oferece lanchonetes e lojas de conveniência.

O Parque Farroupilha é conhecido por seus recantos temáticos, como o Jardim Alpino, o Jardim Europeu e o Jardim Oriental, cada um com sua própria arquitetura e vegetação característica. O parque também é famoso por seus monumentos, incluindo o Monumento ao Expedicionário, além de contar com espaços como o Orquidário, o Solar e o Auditório Araújo Viana.

A vegetação do Parque Farroupilha é composta por cerca de 10.000 árvores de diversas espécies, como chal-chal, pitangueira, paineira, tipuana, cocão, palmeira da califórnia, grinalda de noiva, jacarandá, ipê-roxo e cipreste. O parque é um importante patrimônio histórico, cultural, natural e paisagístico de Porto Alegre, tendo sido tombado em 1997. É um espaço importante para a cidade, oferecendo à população um local de convivência, lazer e cultura.

Parque Moinhos de Vento (Parcão)

Parque Moinhos de Vento (Parcão)

O Parque Moinhos de Vento, também conhecido como Parcão, é um importante ponto de lazer e convivência da cidade de Porto Alegre. Seu nome tem origem no século XVIII, quando um moinho de vento foi instalado no local.

A área do parque foi desapropriada em 1962 e oficialmente denominada como Parque Moinhos de Vento em 1972. Atualmente, oferece diversas opções de lazer para os visitantes, como corrida, patinação, quadras de esportes, aparelhos de ginástica e biblioteca infantil.

A arborização do Parque Moinhos de Vento é bastante rica, com 1.538 árvores de 117 espécies diferentes, sendo o ipê-roxo-de-sete-folíolos a espécie mais comum, com 186 indivíduos arbóreos. Além disso, o parque possui um moinho açoriano, semelhante aos que existiam na região nos primórdios da cidade, e a Biblioteca Infantil Ecológica Maria Dinorah.

Com suas áreas verdes e opções de lazer, o Parque Moinhos de Vento é um importante espaço público de convivência e integração da população de Porto Alegre.

Parque Germânia

Parque Germânia

O Parque Germânia é um dos principais pontos de lazer da cidade de Porto Alegre. Com uma área de mais de 115 hectares, o parque oferece uma grande variedade de atividades para os visitantes, desde quadras de tênis e campos de futebol até trilhas para caminhadas e áreas de descanso para contemplação da natureza.

Além disso, o parque conta com uma estrutura completa, que inclui prédio de administração, cancha de bocha coberta e iluminada, playgrounds e aparelhos de ginástica. Destaque também para as quadras para vôlei, basquete e futebol de salão, que permitem a prática desses esportes em um ambiente agradável e seguro.

Outro ponto forte do Parque Germânia é a sua área de preservação permanente, que abriga uma grande diversidade de espécies vegetais e animais. São mais de 1,2 mil espécies nativas, que compõem um ecossistema rico e equilibrado. Os visitantes podem caminhar pelas trilhas do parque e observar a fauna e a flora local, em um ambiente de pura beleza e tranquilidade.

Parque Marinha do Brasil

parques de porto alegre Parque Marinha do Brasil

O Parque Marinha do Brasil é um espaço público em Porto Alegre que foi criado com o intuito de proporcionar lazer e prática esportiva para a população, além de reintegrar a cidade ao Lago Guaíba. Com seus 181 hectares, o parque é um dos maiores da cidade e oferece diversas opções de entretenimento.

Com uma estrutura voltada para o esporte, o Parque Marinha do Brasil conta com quadras de futebol de salão, tênis, vôlei, basquete, pistas de patinação, skate, atletismo e ciclismo, além de campos de futebol 7. Há também recantos infantis e um espaço cívico com espelho d’água para contemplação. O eixo aquático de 10 mil metros quadrados corta e percorre 700 metros do parque, e é possível desfrutar do Recanto Solar, para banhos de sol, e do Recanto da Saudade, apreciado pelo seu belo pôr-do-sol.

A fauna do local é composta por diversas espécies de aves, como quero-quero, bem-te-vi, rabo de palha, joão de barro, sabiá, pica-pau do peito amarelo e canário da terra, entre outras. Nos lagos, podem ser encontradas pequenas tartarugas (cágados) e peixes de diversas espécies.

Do total de 181 hectares, 11 foram transformados em bosques, onde são encontradas árvores nativas e espécies exóticas, como Ingás Canafistulas Timbaúvas Jambolão e Jerivás. O Parque Marinha do Brasil ainda dispõe de vestiários e três áreas de estacionamento, proporcionando uma experiência completa e agradável para todos os visitantes.

Parque Maurício Sirotsky Sobrinho (Harmonia)

parques de porto alegre Parque Maurício Sirotsky Sobrinho (Harmonia)

O Parque Maurício Sirotsky Sobrinho, mais conhecido como Parque da Harmonia, está localizado entre a Ponta da Cadeia e a margem direita do Arroio Dilúvio, em Porto Alegre. O parque recebeu seu nome atual em 1987, em homenagem a Maurício Sirotsky Sobrinho.

O parque é conhecido por reunir diversos aspectos da tradição gaúcha, com churrasqueiras ao ar livre e galpão crioulo. Além disso, o parque conta com áreas para piquenique e espaço para caminhadas. É um local muito utilizado para a prática de atividades físicas, como corrida e ciclismo.

O parque também é palco de diversos eventos culturais, como shows musicais, feiras e festivais gastronômicos. O espaço conta com uma ampla área verde, com árvores frondosas e lagoas, que abrigam diversas espécies de animais, como patos e garças.

O parque é um importante ponto turístico de Porto Alegre, sendo frequentado por moradores e turistas que buscam lazer e entretenimento em meio à natureza.

Parque Gabriel Knijnik

Parque Gabriel Knijnik

O Parque Gabriel Knijnik é um espaço verde localizado no bairro Vila Nova em Porto Alegre. O parque foi incorporado às áreas verdes da cidade em 1997, após ser doado em testamento pelo engenheiro civil Gabriel Knijnik, que desejou transformar a área em um parque municipal.

O parque conta com diferentes ambientes e é rico em espécies da fauna e flora. Há um pomar com diversas árvores frutíferas, como pitangueira, pereira, ameixeira e jaboticabeira, além de eucaliptos e pinus. O local também possui uma área de banhado e uma grande área de preservação.

O parque foi urbanizado e oferece diversas opções de lazer, como sanitários, coreto, playground, doze churrasqueiras, duas quadras de futebol em saibro, uma cancha de bocha, passeios e estacionamento para 100 carros. O prédio da sede administrativa possui duas salas de uso múltiplo, e a guarita de acesso ao parque abriga um mirante com vista para o Lago Guaíba. Do mirante, é possível avistar o Morro do Osso e o Morro Teresópolis, uma das mais belas paisagens da cidade.

Para chegar ao parque, pode-se utilizar a linha de ônibus 271-Amapá, da empresa STS, que tem o final da linha em frente à entrada do parque. De carro, basta seguir pela avenida Cavalhada até a rua Vicente Monteggia. O Parque Gabriel Knijnik é uma ótima opção para quem busca contato com a natureza e um momento de lazer em família ou com amigos.

Saiba mais detalhes sobre esse parque AQUI.

Parque Natural Municipal Morro do Osso

Parque Natural Municipal Morro do Osso

O Parque Natural Municipal Morro do Osso é um dos mais importantes parques ecológicos de Porto Alegre, localizado na zona sul da cidade. Com uma área de cerca de 47 hectares, o parque é um verdadeiro tesouro natural, repleto de fauna e flora típicas da região.

O Parque Morro do Osso conta com uma ampla área verde, trilhas para caminhada ecológica e observação de animais silvestres, além de um mirante que oferece uma vista panorâmica da cidade e do lago Guaíba. A flora do parque é formada por espécies como araucárias, cedros, angicos e canelas, que oferecem sombra e proteção para a fauna local.

O parque é habitat de diversas espécies de animais, como tucanos, bugios, quatis, tamanduás e preás, que podem ser avistados pelos visitantes durante as caminhadas. O parque também conta com uma ampla variedade de aves, como sabiás, bem-te-vis, tiês-sangue, gralhas-azuis e urubus.

Parque Chico Mendes

Parque Chico Mendes

O Parque Chico Mendes é uma área de lazer e descanso localizada na zona norte de Porto Alegre, entre os bairros Jardim Leopoldina e Chácara da Fumaça. Com uma área que beneficia cerca de 200 mil pessoas, o parque oferece uma opção de lazer acessível à população da região.

A área de lazer conta com diversos espaços, como quatro canchas polivalentes, dois campos de futebol, duas canchas de bocha, uma praça infantil e várias churrasqueiras espalhadas por toda a área. Além disso, o parque também conta com o memorial Chico Mendes e um anfiteatro ao ar livre que são utilizados para cerimônias oficiais e eventos culturais, como shows musicais, peças teatrais e manifestações da comunidade.

A vegetação do parque é caracterizada pela presença de eucaliptos e árvores nativas. Diversas espécies de fauna também são observadas no local, como socós, frangos d’água, saracuras, bem-te-vis, pica-paus, tico-ticos, marrecas pia-deiras e pombões. O parque é uma ótima opção para quem deseja desfrutar de um ambiente tranquilo e arborizado na cidade.

Parque Marechal Mascarenhas de Moraes

Parque Marechal Mascarenhas de Moraes

O Parque Marechal Mascarenhas de Moraes é uma ótima opção de lazer em Porto Alegre. Com seus 18,3 hectares de área verde, o parque é dividido entre uma área de lazer e recreação e uma área de preservação permanente, tornando-se um espaço de uso misto.

A área de preservação permanente ocupa seis hectares do parque e é composta por um banhado e vegetação nativa plantada. Já na área de lazer e recreação, encontram-se diversas opções de atividades esportivas e de lazer, tais como um estádio de futebol, cancha de bocha, pista de patinação, quadra de futebol 7, quadras de vôlei e diversos equipamentos esportivos.

As churrasqueiras e quiosques cobertos são perfeitos para um bom churrasco com amigos e familiares. Além disso, os caminhos e recantos criados a partir da vegetação nativa e do banhado tornam o ambiente ainda mais agradável e propício para caminhadas e para contemplação da natureza.

Localizado no bairro Sarandi, o Parque Marechal Mascarenhas de Moraes é de fácil acesso e possui estacionamento para os visitantes. Com certeza é uma excelente opção para quem procura um espaço para praticar esportes, relaxar e aproveitar a natureza.

Parque Saint Hilaire

parques de porto alegre saint hilaire

O Parque Natural Municipal Saint’Hilaire é uma área de conservação ambiental com 130 hectares de extensão localizada no Bioma Pampa, em Porto Alegre. Seu principal objetivo é proteger a diversidade biológica e promover pesquisas científicas, além de integrar a comunidade local por meio de ações de educação ambiental. A reserva abriga fisionomias de campo nativo e floresta representativa da Mata Atlântica, bem como nascentes que contribuem para a formação do Arroio Dilúvio. As colinas com butiazais, típicas da região leste de Porto Alegre, também são preservadas no parque.

Inicialmente criado como Jardim Botânico Municipal Parque Saint’Hilaire, em função da necessidade de proteger o manancial d’água para manter a captação de água para abastecimento público, o parque foi dividido em duas áreas: uma de preservação permanente e outra destinada à recreação pública. Em 2002, foi elaborado o Plano de Manejo e, em 2003, o Parque foi enquadrado no Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SNUC), passando a denominar-se Parque Natural Municipal Saint’Hilaire. Recentemente, em 2022, a administração municipal de Porto Alegre transferiu a área restante do parque, por Cessão de Uso, para o município de Viamão.

A preservação do Parque Natural Municipal Saint’Hilaire é fundamental para garantir a manutenção da biodiversidade e dos recursos naturais da região, além de proporcionar um espaço de lazer e aprendizado para a população. A conscientização ambiental e a valorização das áreas naturais são importantes para a promoção de um desenvolvimento sustentável e para a garantia de um futuro melhor para todos.

Com informações da Prefeitura de Porto Alegre.

Priscilla Kinast

Priscilla Kinast

Priscilla Kinast é redatora de web sites há cerca de 8 anos, tendo ao todo 15 anos de experiência com produção de conteúdo para a internet. Graduada em Administração de Empresas (Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre), encontrou sua verdadeira paixão na administração de websites.

Devido sua experiência com redação de conteúdo, obteve registro profissional como jornalista pelo Ministério do Trabalho (Registro Profissional: 0020361/RS).

É porto-alegrense raiz, nascida e criada na zona norte da cidade, mas muito apaixonada pela zona sul e pela orla do Guaíba. Ama a cidade e está sempre em busca de trazer mais informações que possam ajudar seus conterrâneos a curtirem mais o que Porto Alegre tem para oferecer!

Artigos: 432

Deixe um comentário

Descubra mais sobre Curtindo PoA

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading